E até quem me vê lendo o jornal na fila do pão, sabe que eu te encontrei. E ninguém dirá que é tarde demais, que é tão diferente assim, do nosso amor a gente é que sabe, Pequeno.